quinta-feira, 12 de julho de 2012

Vale do Amanhecer foi invadido por Intolerância Religiosa



Em uma entrevista realizada com Emanoel Junior (21 anos), frequentador do local, o mesmo afirma que o centro espírita Vale do Amanhecer foi invadido devido a atos de intolerância.
Segundo Emanoel, o local não trabalha com rituais que envolvem sacrifícios de animais, seres humanos ou práticas que envolvem satanismo, alegando que o local foi atacado devido a intolerância religiosa por parte das pessoas das proximidades e que, por pouco, não foi espancado: “Vieram culpar o Vale do Amanhecer pela atrocidade que houve com o pessoal de São Domingos. Sairam apedrejando todo mundo e só não acertaram a minha pessoa porque eu me retirei para um cercadinho ao lado. Alguns deles me puxaram, me jogaram no meio do povo para me espancar e eu consegui correr”, afirmou.

Ainda com as roupas rasgadas, o jovem afirmou que o centro não trabalha com religiões afro-brasileiras e está dando seu testemunho dos fatos na DEPOL.


Nenhum comentário:

Postar um comentário